Dados do segundo Boletim Hidrometeorológico Integrado do Estado voltado para o abastecimento público, divulgada nessa semana, têm destaque novamente para o tempo seco e predomínio de sol nesta primeira quinzena de abril. Desta forma, além do município de São Joaquim, que conforme primeiro boletim, já estava em situação crítica de abastecimento, entram também agora nessa condição, os municípios de Papanduva, Paulo Lopes, e Rio do Oeste, estes regulados pela Agência de Regulação de Serviços Públicos de Santa Catarina - Aresc.

Conforme boletim, a situação é considerada crítica quando os mananciais utilizados para abastecimento estão afetados significativamente, cujas ações e intervenções de infraestrutura hídrica não estão sendo suficientes para minimizar os efeitos da estiagem no abastecimento.

Os prestadores de serviços desses municípios estão intensificando as medidas de emergência com a captação em mananciais alternativos, perfuração de poços, aumento no tempo de operação da estação de tratamento de água, e manobras operacionais.

Desta forma, a Aresc continua acompanhando a situação. “Ressalta-se que para a segunda quinzena, os acumulados de precipitação previstos não devem ser suficientes para amenizar de forma significativa a situação de estiagem nas áreas mais críticas do Estado. Sendo, portanto, muito importante que cada um faça sua parte utilizando de forma racional e consciente a água tratada, considera a Gerente de Fiscalização da Aresc, Luiza Borges Burgardt.

Boletim Hidrometeorológico

Esse boletim é elaborado pela Defesa Civil de Santa Catarina, em conjunto com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), Agência de Regulação de Serviços Públicos de Santa Catarina (ARESC) e Agencia Reguladora Intermunicipal de Saneamento. O documento traz informações atualizadas a cada quinze dias que serão divulgadas nos sites das respectivas instituições.

Além da análise da distribuição da chuva no estado e da previsão para os próximos 15 dias, o Boletim Integrado indica a situação hidrológica atual em Santa Catarina, bem como a condições do abastecimento urbano em cada cidade, considerando as condições: normal, atenção, alerta e crítico.

Os municípios em estado crítico de abastecimento urbano estarão em destaques no documento chamando atenção a necessidade de intervenções pelos prestadores de serviço, bem como, adoção de medidas emergenciais para minimização do impacto aos usuários.

WhatsApp Image 2020 04 15 at 18.37.52

JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento: logo ciasc rodape | Gestão do Conteúdo: ARESC | Acesso restrito